A lagarta muito comilona | mini-book bilíngue

A ideia não é nova. Não é de hoje que a lagarta comilona de Eric Carle passeia pelo mundo infantil em casas, escolas, murais, espaços online… Não é nova, mas não é por isso que não é bom lembrar, não é? Então vamos de uma lagarta muito comilona em português, inglês e francês (ver mini-book coleção pequenas mãos bilingues).

A historinha é muito simples e facil de acompanhar. É simples mas tem um apelo enorme ao imaginário infantil. A lagarta é aquele bichinho que num dia de sol se põe a comer e comer até que se torna um casulo e vira borboleta. No processo de comer até se tornar uma linda borboleta a lagarta passa por dias diferentes e come quantidades e coisas bem diferentes e isso resulta em um mundo de cores e coisas a aprender e explorar.

A ideia não é nova. Não é de hoje que a lagarta comilona de Eric Carle passeia pelo mundo infantil em casas, escolas, murais, espaços online… Não é nova, mas não é por isso que não é bom lembrar, não é? Então vamos de uma lagarta muito comilona em português, inglês e francês (ver mini-book coleção pequenas mãos bilingues).

A historinha é muito simples e facil de acompanhar. É simples mas tem um apelo enorme ao imaginário infantil. A lagarta é aquele bichinho que num dia de sol se põe a comer e comer até que se torna um casulo e vira borboleta. No processo de comer até se tornar uma linda borboleta a lagarta passa por dias diferentes e come quantidades e coisas bem diferentes e isso resulta em um mundo de cores e coisas a aprender e explorar.

Títulos

Em inglês o livro se chama A very hungry caterpillar; em francês La chenille qui fait des trous; e em português Uma lagarta muito comilona.

A ideia

A proposta aqui do Quem vai ler pra mim? é usar dessa historinha para reconstruir outras e assim ajudar a criança a compor sua própria versão da história. Um passeio na feira, uma visita à cozinha são mais do que convidativos para brincar com essa narrativa. Momento junto para pais e filhos, professores e alunos. Por isso a crianção dos Mini-books. Eles não trazem a historinha. Trazem apenas a ilustração resumida dela.

Youtube videos

No canal do blog no youtube há dois videos com atividades de memorização para crianças mais velhas e, se acompanhados de um adulto enriquecedor, crianças mais novas também. Eles estão em ingles e francês.

Aqui o vídeo do jogo de memória em inglês.

Aplicativos

Quem gosta de aplicativos educacionais, foi lançado em 2016 no ITunes um aplicativo educacional fantástico sobre a historinha. Está em inglês, logicamente, e se chama “The very hungry caterpillar shapes and colors”. Há outros muito fofos e bem feitos la loja do Google Play também. Em portuês e inglês. (O @quemvailerpramim só recomenda uso de telas interativas para crianças maiores de 2 anos. Isso porque até dois anos a presença dos pais ou de um adulto enriquecedor é fundamental para o desenvolvimento afetivo-emocional delas. Algo que deverá se sustentar por toda a vida. Para isso, não há melhor do que livros tradicionais, papel, e leituras compartilhadas)

Mini-Book coleção pequenas mãos bilíngues 

O mini-book Uma lagarta muito comilona (português-francês) da coleção pequenas mãos bilíngues aqui do @quemvailerpramim é pequenino para caber nas mãos de pequeninos. É só imprimir, cortar, colar e aproveitar. Faça o download.

Uma lagarta muito comilona – minibook bilíngue português e francês

 Compre o livro

E caso você ainda não tenha o livro, é fácil comprar online ou mesmo em uma livraria aí por perto.
https://ws-na.amazon-adsystem.com/widgets/q?ServiceVersion=20070822&OneJS=1&Operation=GetAdHtml&MarketPlace=BR&source=ac&ref=qf_sp_asin_til&ad_type=product_link&tracking_id=suelenviana-20&marketplace=amazon&region=BR&placement=8574168602&asins=8574168602&linkId=166aa0be32e4ea35251067756afcd1ac&show_border=false&link_opens_in_new_window=true&price_color=333333&title_color=0066c0&bg_color=ffffff

É isso!

Fábula: a lebre e a tartaruga

Fábulas e brincadeiras

*Ideias e sugestões
*as ideias e sugestões abaixo podem ser adaptadas para qualquer língua alvo. O objetivo é sempre fazer da leitura algo que se conecta significativamente com o mundo da criança. Com as coisas que ela pode ver, ouvir e tocar. Para versão em inglês clique aqui.

Fábulas e brincadeiras

*Ideias e sugestões
*as ideias e sugestões abaixo podem ser adaptadas para qualquer língua alvo. O objetivo é sempre fazer da leitura algo que se conecta significativamente com o mundo da criança. Com as coisas que ela pode ver, ouvir e tocar. Para versão em inglês clique aqui.

Idade: 3 a 6 anos

Apelo: fábula. Animais como personagens. Fantasia e reviravolta. Humor.

Para dentro de sala

Vocabulário:

  • substantivo comum (animais: lebre e tartaruga) – faça um jogo de forca com as palavras antes de contar a fábula. Diga apenas que são animais. Para crianças alfabetizadas. OU encha um balão com as letras de uma palavra (lebre) separadas e outro balão com as letras da outra palavra (tartaruga). As crianças tem de correr estourar o balão, formar as palavras e pegare a figura correspondente. Se tiverem se alfabetizando, entre na brincadeira com elas. AINDA, encha uma bacia com espuma e jogue letrinhas de plástico ou EVA lá dentro. Deixe a criança se divertir tentando achar as letrinhas.
  • adjetivos comparativos opostos (rápido-lento, longe-perto, sonolento-esperto) – Cante uma palavra bem alto e peça para as crianças correrem para o círculo onde está o animal com a característica cantada OU cante uma palavra e as crianças devem cantar o oposto da palavra e correr para o círculo onde está o animal ou a figura com a característica oposta.

Letras e sons: consoantes L e T ; vogais A e E. Leve massinha de modelar com palitinhos (sem pontas) para as crianças. Peça para elas desenharem as letras e colocarem as figuras dos animais ao lado delas. OU peça para elas apenas formarem as letras. OU AINDA você pode fazer como sugerem as atividades nas imagens aqui no pinterest e aqui

Número: 2(dois animais) e 4 (quatro patas) – pergunte para as crianças que animais com 2 patas elas conhecem e que animais com 4 patas. Elas tem de ser rápidas. Peça para elas colorirem os seus favoritos. Faça um poster com a imagem de animais com duas e quatro patas. Dê à criança palitinhos de picolé para ela colocar a quantidade certa de palitinhos ao lado dos animais. (animais bípedes aqui)

Cores: cores quentes x cores frias: a cor dos animais (tartaruga – verdes claro e escuro; lebre-marrons claro e escuro). Descubra mais e explore essa ideia com seus pequenos aqui. Faça dois círculos no chão e ponha o desenho de um floco de neve num e de uma fogueira noutro. Distribua miniatura de animais dessas que vendem em lojas de departamentos e brinquedos. Peça para as crianças colocarem os animais nos círculos de acordo com suas cores; OU cante o nome de um animal e peça para as crianças correrem para o círculo onde o animal deve estar de acordo com sua cor. PARA OS BEM PEQUENINOS dê a imagem dos animais com suas cópias para colorir em outro papel. Deixe-as colorir igual à imagem colorida.

Desenhos e formas:  aprenda desenhar a lebre e a tartaruga e surpreenda seus pequenos. Faça um jogo do adivinha que bicho é.

Curiosidade: lebres não são coelhos. Pesquise a diferença com seus pequenos aqui na britannica online..

Ciência: mamíferos (lebres e coelhos) versus répteis (tartarugas). Distribua massinhas de modelar e peça para as crianças esculpirem seus mamíferos e répteis favoritos.

Geografia: onde vivem as tartarugas? E as lebres? Convide os pequenos a darem seus palpites e fazerem uma pesquisa rápida para ver se estavam certos.

Para além dos muros

Realize: faça um passeio ao zoológico para encontrar esses animais. Convide as crianças a perguntarem a seus próximos (na escola, no zoo ou em casa) quem já viu de perto, tocou ou comeu uma lebre ou uma tartaruga.

Artesanato-craft: tartarugas com garrafas pet  para fazer no quintal de casa com os pequenos, ou no parque (pátio) da escola ou na área livre do condomínio. Fazer e expor. Ou ainda, faça como na figura ao lado.

Como nos velhos tempos: para liberar de vez a energia da criançada

Brincar de *CABRA CEGA (que nesse caso será A LEBRE CEGA)

a lebre cega
brincadeira de roda “a lebre cega”

Um grupo dá as mãos e forma uma roda. Escolhe-se a A LEBRE CEGA, que ficará no centro da roda. A A LEBRE CEGA tem seus olhos vendados e uma pessoa a rodará 25 vezes, fazendo com que ela fique zonza. A função da LEBRE CEGA é pegar uma pessoa da roda, que estará em movimento, e dizer seu nome.
Lembrando que em nenhum momento os componentes da roda podem soltar as mãos. A pessoa que foi tocada pela LEBRE CEGA é obrigada a deixar que a A LEBRE CEGA apalpe seu corpo todo. Se a LEBRE CEGA errar o nome da pessoa, continua a brincadeira. Quem for descoberto, é a nova LEBRE CEGA.

*adaptado do blog jogos e brincadeiras

A fábula

A lebre e a tartaruga

A Lebre e a Tartaruga é uma fábula atribuída a Esopo e recontada por Jean de La Fontaine.

Certo dia, a lebre que era muito convencida, desafiou a tartaruga para uma corrida, argumentando que ela era mais rápida e que a tartaruga nunca a venceria. A tartaruga começou a treinar enquanto a lebre esperava e não fazia nada. Chegou o dia da corrida. A lebre e a tartaruga colocaram-se nos seus lugares e, após o sinal, partiram. A tartaruga estava correndo o mais rápido que conseguia, mas rapidamente foi ultrapassada pela lebre, que percebendo já estar a uma longa distância da sua concorrente, deitou-se e dormiu. Enquanto a lebre dormia, não se dava conta que a tartaruga se ia aproximando mais rapidamente da linha de chegada. Quando acordou, a lebre, horrorizada, viu que a tartaruga estava muito perto de ganhar a corrida. Assim, a lebre começou a correr o mais depressa que pode, tentando, a todo o custo ultrapassar a tartaruga. Mas não conseguiu. Quem ganhou a corrida? Qual a moral da história?

É isso! Leia para seus pequenos. Ler é muito mais que um piscar d’olhos!
Quem vai ler pra mim?